.: Notícias :.
Boletim Eletrônico Nº 1428

DESTAQUES:


Siga o

da SBQ



Logotipo
Visite a QNInt





capaJBCS



capaQN



capaQnesc



capaRVQ


   Notícias | Eventos | Oportunidades | Receba o Boletim | Faça a sua divulgação | Twitter | Home BE | SBQ



03/09/2020



Coluna "Onde elas estão?"


Uma iniciativa do Núcleo de Mulheres SBQ

Onde estão as mulheres cientistas no Brasil? Essa pergunta é frequente e sim, precisamos nos conhecer mais e promover maior divulgação das cientistas brasileiras que temos. Assim, o Núcleo de Mulheres da SBQ criou a "Onde elas estão?", uma coluna quinzenal no Boletim da SBQ. O objetivo é criar um espaço de destaque onde apresente uma mulher cientista, sócia da SBQ, no formato "bate e volta" (sucinto). Esperamos criar um portfólio de vários perfis das cientistas brasileiras.

Conheça a Adriana Karla Amorim, Professora Associada e Pesquisadora do Departamento Química da Universidade Federal de São Paulo. Mãe do Matheus e da Maria Clara. Mestre e Doutora em Química Orgânica pelo IQ-USP, com Pós-doutorado em Físico-Química Orgânica no IQ-UNICAMP. Atualmente é Coordenadora dos cursos de Química e Química Industrial da UNIFESP. Sua linha de Pesquisa é voltada, principalmente, para obtenção de compostos bioativos [derivados de anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs) e cisteína, em especial, S-nitrosotióis], com potencial atividade biológica antitumoral e/ou inibidora de proteases.



Nome: Adriana Karla Cardoso Amorim Reis

Quanto tempo que é professora/cientista contratada na universidade: Professora da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) desde 2006 (14 anos)

Onde faz ciência: Coordena o grupo de Pesquisa SNORG (S-Nitrosothiol Reseach Group) no Laboratório de Química Orgânica Helena Ferraz do ICAQF (Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas).

Um(a) cientista: Professora Helena Maria Ferraz (IQ-USP)

Uma molécula/reação:

Maior conquista na carreira até o momento: Incentivar jovens a seguir a carreira científica.

Maior desafio na carreira: Conseguir um novo e eficiente quimioterápico.

Onde quer chegar: Ao final da minha carreira, ter contribuído para a formação de cientistas brasileiros.

O que não pode faltar no laboratório: Dedicação, amizade e respeito.

Congresso que mais frequenta: Reunião Anual da SBQ.

Nas horas vagas...: Gosto de música, de ler, adoro arte e me dedico as pessoas que amo.

Uma leitura recomendada (artigo/livro ou afim): O Rei do Inverno (As crônicas de Artur) do Bernard Cornwell

Relação com a SBQ: Sócia desde 1994; Membro das divisões de Química Orgânica e Medicinal

Uma frase: "A educação é o ponto em que decidimos se amamos o mundo o bastante para assumirmos a responsabilidade por ele". Hannah Arendt (1906-1975)


Fonte: Núcleo Mulheres SBQ








Contador de visitas
Visitas

SBQ: Av. Prof. Lineu Prestes, 748 - Bloco 3 superior, sala 371 - CEP 05508-000 - Cidade Universitária - São Paulo, Brasil | Fone: +55 (11) 3032-2299