.: Notícias :.
Boletim Eletrônico
Nº 1091

DESTAQUES:



Logotipo

Visite a QNInt



capaJBCS



capaQN



capaQnesc



capaRVQ




Notícias | Eventos | Oportunidades | Receba Boletim | Faça a sua divulgação | Twitter | Home SBQ


19/9/2013



CNPq lança editais para energia, meio ambiente e minerais estratégicos


O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI) lançou nesta segunda-feira (16) oito editais com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). As áreas contempladas envolvem energia, a partir de microalgas, hidrogênio, fontes eólica e heliotérmica e combustíveis sólidos; e minerais estratégicos, como terras-raras, agrominerais e lítio; além de modernização de coleções biológicas e estudos sobre impactos de mudanças ambientais nas interações entre biosfera e atmosfera.

Criado em 2002, o Programa de Ciência, Tecnologia e Inovação para a Economia do Hidrogênio (ProH2) ganha continuidade com a Chamada 55/2013, que dispõe de R$ 6,5 milhões destinados à capacitação de recursos humanos e à realização de projetos de pesquisa ligados a células a combustível. As inscrições podem ser feitas até 1º de novembro.

Outra proposta de substituição às formas tradicionais de energia diz respeito à produção de biocombustíveis e bioprodutos a partir de microalgas, por meio da Chamada 56/2013. Até 1º de novembro, a seleção pública direciona R$ 11,23 milhões a duas linhas de pesquisa, relacionadas a biodiesel e biorrefinarias.

Chamada 74/2013 tem R$ 10 milhões para capacitar recursos humanos e laboratórios que atendam necessidades de expansão da pesquisa em energia eólica e introduzam novas modalidades na matriz energética brasileira, como a heliotérmica (solar térmica). As inscrições ficam abertas até 31 de outubro.

Já a Chamada 75/2013 seleciona projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação em tecnologias de conversão de combustíveis, com ênfase em matérias-primas sólidas. A ideia é utilizar os R$ 8 milhões disponíveis até 31 de outubro para dar sequência a grupos fomentados pelo MCTI, como a Rede Nacional de Combustão e a Rede Carvão, e apoiar grupos independentes.

Minerais estratégicos

Insumos essenciais à tecnologia de ponta, os elementos químicos conhecidos como terras-raras ganham novo impulso com os R$ 9 milhões da Chamada 76/2013, em busca de formar pessoal e infraestrutura laboratorial para caracterização tecnológica, processamento, produção e uso desses recursos minerais, com objetivo de agregar valor, adensar o conhecimento e promover a sustentabilidade e a competitividade da cadeia produtiva brasileira.

Também considerados estratégicos, agrominerais, lítio e carvão mineral têm à disposição aChamada 51/2013, com R$ 4 milhões para projetos de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação que os abordem. As inscrições terminam em 31 de outubro – prazo idêntico ao do edital de terras-raras.

Meio ambiente

Ação Transversal 68/2013 se insere no contexto do Programa de Grande Escala da Biosfera-Atmosfera na Amazônia (LBA), experimento sobre ecossistemas tropicais iniciado em 1988. Os R$ 11 milhões do edital buscam promover o avanço do conhecimento ligado à Amazônia e suas áreas de transição com o Cerrado, ao priorizar estudos acerca dos impactos de mudanças ambientais nas interações entre biosfera e atmosfera, com ênfase no ciclo do carbono, além de fortalecer a infraestrutura de pesquisa.

Coleções biológicas, sejam zoológicas, botânicas ou de microrganismos, podem melhorar e modernizar suas infraestruturas pela Ação Transversal 67/2013. Os R$ 6 milhões devem ser aplicados em instituições brasileiras envolvidas com inventários, caracterização e gestão da diversidade biológica. Assim como no edital do programa LBA, as inscrições vão até 30 de outubro.


Fonte: Rodrigo PdGuerra – Ascom do MCTI






SBQ: Av. Prof. Lineu Prestes, 748 - Bloco 3 superior, sala 371 - CEP 05508-000 - Cidade Universitária - São Paulo, Brasil | Fone: +55 (11) 3032-2299